BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
segunda-feira, 22 de março de 2021

O cidadão Wellington Burgos, que
reside na rua Ataulfo Alves, no bairro Severiano de Morais Filho, aqui em
Garanhuns, usou o serviço “Você é o Repórter”, deste Blog para relatar um
problema que se arrasta há alguns anos e que pode gerar um grave acidente.

Segundo Ele, defronte as casas de
número 87 e 95 existe uma rede elétrica da Celpe que está praticamente encostada
nas paredes das residências. “Há anos convivemos com essa situação. Mesmo com a
base para separar, os fios ficam deitando e se juntando. Certa vez chegou a se
partir os fios, saindo fogo e por pouco não atingiu os pedestres”, relatou o Cidadão.

“A Celpe vem, faz paliativos, mas
não resolve. O ideal seria a troca da rede com vários fios, por àqueles cabos
que são unidos e revestidos por plástico”, pontuou Wellington Burgos, que
registrou: “como solução, a Celpe sugeriu o pagamento de cerca de R$ 2 mil
reais para instalar o novo cabeamento, porém não tenho condições de pagar por
um serviço que acredito ser responsabilidade da Empresa”, chamou a atenção o
Cidadão. O Blog do Carlos Eugênio buscou contato com a Assessoria da Celpe, mas
não obtivemos resposta. Seguimos a disposição da Empresa para publicar a sua
versão quanto a reclamação do cidadão Wellington Burgos.

AÇÕES NA COHAB 3 –
a cidadã Antônia Oliveira quer uma atenção especial da Prefeitura de Garanhuns
em relação a rua em que reside: a Angelina Tenório, que fica no bairro Dom Hélder
Câmara (Cohab 3). Segundo a cidadã, “a rua não tem calçamento, os esgotos
ficam à céu aberto e os lixos ficam à deriva, ocasionando vários mosquitos,
ratos e baratas”, relatou Antônia, citando que a localidade fica nas imediações
da Igreja Assembleia de Deus.  


Apesar de se tratar de um
problema antigo, a Cidadã defende que o Prefeito Sivaldo Albino (PSB) priorize
essa ação e realize as melhorias naquela localidade. O Blog está à disposição
do Governo de Garanhuns para que possa comentar a solicitação da cidadã Antônia
Oliveira.