BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
segunda-feira, 31 de maio de 2021

Apesar do esforço do vereador
Thiago Paes (DEM) em incluir Garanhuns na agenda do Ministro da Saúde, Marcelo
Queiroga, o resultado da visita do auxiliar do presidente Bolsonaro não agradou, sobretudo por não trazer, nem sinalizar, ações que auxiliem o Município na luta contra a
COVID-19. 

A agenda aconteceu na tarde de ontem, dia 30, na sede da Prefeitura e
também contou com a presença do Ministro do Turismo, Gilson Machado. Antes, Queiroga
esteve em Gravatá, Bezerros, Caruaru, Toritama e em Santa Cruz do Capibaribe, onde
também não fez sinalizações concretas, sobretudo quanto ao principal pedido:
mais doses de vacinas.

Dentre as solicitações feitas pelo
Prefeito Sivaldo Albino (PSB) e pela secretária de Saúde, Catarina Tenório, ao Ministro, destaque para a ampliação do
número de testes para diagnóstico da COVID-19; aporte de oxigênio e de Kit´s de Intubação, em
virtude de o Município possuir pacientes intubados em leitos clínicos de
enfermaria, aguardando disponibilidade de leitos de UTI e a habilitação para
custeio dos dez leitos de UTI adulto implantados na Unidade de Tratamento
COVID-19, em março passado, e principalmente o envio de mais vacinas para Garanhuns. 

Já o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Pernambuco (COSEMS-PE), entre
outras reivindicações, registrou a necessidades da ampliação no numero de doses
de vacinas para o Agreste Meridional, fato também ratificado em documento da
CODEAM. Para conferir o teor dos Ofícios recebidos pelo Ministro da Saúde
clique AQUI.

“O Ministro da Saúde não fez
essa promessa, inclusive disse que isso era algo a ser procurado e buscado aqui
no Estado de Pernambuco. Mas só que o Estado já recebe as vacinas pelo Ministério
da Saúde e o quantitativo é o mesmo. Então, assim fica difícil para o próprio Estado
tirar doses de vacina de outras regiões de Saúde e transferir essas doses
adicionais para o Agreste. É uma pactuação difícil de acontecer!”, observou Marco
Calado Filho, vice-presidente Regional do Conselho de Secretarias Municipais de
Saúde de Pernambuco (COSEMS-PE), durante entrevista ao programa “O Arraiá do
Gláucio Costa”, da Marano FM, na manhã desta segunda-feira, dia 31. “A gente
quer ações efetivas, reais e materiais (…); infelizmente o Ministro veio, no
linguajar popular, com a mão abanando! Não trouxe nada de material, nem deixou uma
promessa do cumprimento de nada”, complementou o Vice-presidente Regional do COSEMS-PE.

A POSIÇÃO DO MINISTRO –
“O Programa Nacional de Imunizações avaliará o pedido dos Prefeitos para que
mais doses de vacina contra a COVID-19 sejam encaminhadas à Região. Esse é um
pleito comum de muitas cidades do País. Mas independente dessa demanda específica,
no mês de junho, nós já temos garantidas mais de 40 milhões de vacinas para
todo o Brasil”, pontuou Marcelo Queiroga ao final da agenda na Prefeitura de
Garanhuns. 

CLIQUE EM PLAYER E CONFIRA
A AVALIAÇÃO DA SECRETÁRIA DE SAÚDE DE GARANHUNS QUANTO A VISITA DO MINISTRO DA
SAÚDE:

>>> OPORTUNIDADE DE ALUGUEL EM GARANHUNS. 

Casa disponível para fins comerciais e residência, com
excelente localização, próximo a Igreja de Santa Terezinha, no bairro Magano. Reforme
o Imóvel e tenha até 6 meses de Carência no Aluguel.
 

PRA SABER MAIS, CHAME A MANO IMÓVEIS NO ZAP: (87)
99926-0223.