BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
sábado, 25 de setembro de 2021

 

O Sindicato de Médicos de Pernambuco (SIMEPE) divulgou Nota nessa sexta-feira, dia 24, repudiando uma fala realizada, segundo o Órgão, pelo secretário Adjunto da Secretaria Municipal de Saúde de Garanhuns, o médico Paulo Mendonça, durante reunião realizada no último dia 16.  Segundo a Nota, o Secretário teria exposto em público os Médicos da UBS que estavam no local. “Uma conduta abominável, agressiva, mal educada e constrangedora”, classificou o SIMEPE, complementando em seguida: “o SIMEPE exige que as devidas retratações sejam feitas e que situações como essas não se repitam. É fundamental que haja mais respeito com os médicos de Garanhuns”, finaliza a Nota assinada pelo Sindicato.

 

 

Em resposta a posição do SIMEPE, a Prefeitura de Garanhuns emitiu uma Nota de Solidariedade ao Dr. Paulo Mendonça. Segundo o Poder Público Municipal,  o Secretário Adjunto de Saúde “foi atacado injustamente pelo Sindicato de Médicos de Pernambuco”. Ainda segundo a Prefeitura de Garanhuns, o Dr. Paulo Mendonça tem se destacado “justamente pela defesa da classe médica e na ampliação de serviços públicos para população garanhuense”, citando a condução do programa Vem Vacina e a abertura de leitos de UTI exclusivos para pacientes com COVID-19, além da reestruturação das atividades nas Unidades Básicas de Saúde e a elaboração de programas para zerar as filas por exames e consultas no Município como ações desenvolvidas pelo Médico ao lado da secretária titular da Pasta, Catarina Tenório.

 

 

“É válido destacar que enquanto profissional e servidor público do município de Garanhuns, Dr. Paulo Mendonça tem mantido uma excelente relação com os Médicos, orientando a todos uma postura assídua e gentil com aqueles que procuram os serviços de saúde. Desta forma, todas as reuniões realizadas com os Médicos do Município têm o intuito de cobrar qualidade no atendimento”, ressalta o Governo Municipal na Nota distribuída à Imprensa, que é finalizada lamentando que o Sindicato tenha divulgado “uma nota que destoa totalmente do sentimento da classe médica e da população” e que Paulo Mendonça é “um defensor do Sistema Único de Saúde (SUS) e dos bons serviços”. Nas notas do SIMEPE e da Prefeitura de Garanhuns não consta o local onde teria ocorrido a suposta exposição, nem de qual UBS os Médicos pertencem.