BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
quinta-feira, 30 de julho de 2020

Os recursos destinados pelo
Deputado Federal João Campos (PSB), que obteve 12.427 votos aqui em Garanhuns
nas eleições de 2018, e enviou emenda no valor de R$ 370 mil reais para que a
Secretaria Estadual de Saúde pudesse transferir ao Hospital Regional Dom Moura,
abrem uma discussão sobre quanto Garanhuns vem contando para o combate a
Pandemia do Novo Coronavírus a partir de recursos enviados por Senadores e Deputados
Federais.

Em contato com o Blog do
Carlos Eugênio, o Prefeito Izaías Régis (PTB) citou que a Prefeitura de
Garanhuns recebeu até agora, através de emendas parlamentares, R$ 4,8 milhões
de reais voltados exclusivamente a COVID-19. 

“Foram R$ 2 milhões do senador
Fernando Bezerra Coelho; R$ 1,8 milhão do Deputado Federal Sílvio Costa Filho e
R$ 1 milhão de reais do Senador Jarbas Vasconcelos”, registrou Izaías,
garantindo que o dinheiro vem sendo investido em diversas ações de combate a
proliferação do Novo Coronavírus, bem como na testagem dos cidadãos e servidores
públicos; auxilio social; instalação de leitos; compra de insumos, medicamentos,
EPI´s e equipamentos, bem como no tratamento de pacientes com a COVID-19, entre
outros. “Está tudo no Portal da Transparência. É só conferir”, pontuou Régis.
Ainda segundo o Prefeito, o
Município ainda aguarda a liberação de pouco mais de R$ 2,5 milhão em emendas destinadas
exclusivamente a Garanhuns para combate da COVID-19. “Ainda estamos aguardando
a liberação de mais R$ 1 milhão do deputado Fernando Rodolfo; R$ 800 mil reais
do deputado Daniel Coelho; mais R$ 550 mil de Sílvio Costa Filho e R$ 200 mil
reais do deputado Pastor Eurico”, complementou Izaías.

“Destinar R$ 370 mil reais
para o Hospital Dom Moura, que atende pacientes não apenas de Garanhuns, mas de
todo o Agreste Meridional, é muito pouco para quem teve quase 13 mil votos dos
Garanhuenses. Isso não é uma crítica! É uma constatação que faço e que população
de Garanhuns também deverá fazer”, finalizou Izaías Régis.