w="300" h="250">
BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
BLOG DO CARLOS EUGÊNIO | terça-feira, 13 de maio de 2014

Em recente contato telefônico com o Blog, o Prefeito de Caetés, Armando Duarte (PTB) informou que a Prefeitura daquele Município ainda não concluiu o levantamento dos cargos disponíveis, que possibilitarão a realização de um Concurso Público. Armando registrou que a sua equipe vem fazendo o trabalho com cautela “para evitar erros”, pontuou. 

Mas o fato é que os trabalhos em Caetés estão bem lentos, haja vista que em novembro do ano passado, o Prefeito Caeteense concedeu entrevista ao Blog e ao programa Falando com o Agreste, da Marano FM, quando afirmou que a sua meta seria realizar o Certame no mais curto espaço de tempo possível, fato que não vem se concretizando. 

“Pedi a secretaria de Administração que fizesse um levantamento da quantidade de vagas que colocaríamos em disputa. A nossa meta é realizar o Concurso até o final deste ano, para que possamos ter mais servidores efetivos e atender ao que determina o Tribunal de Contas”, registrou o Prefeito Armando Duarte em reportagem publicada neste Blog no dia no dia 1º de novembro de 2013. Na época o Prefeito complementou: “sei que do lado político você perde alguma coisa, mas temos uma Lei a ser cumprida e como sempre digo: não tenho medo do Tribunal de Contas, mas tenho respeito a ele e nós vamos fazer as coisas como manda a Lei”, pontuou Armando, em entrevista veiculada pela Marano e aqui no Blog.

A expectativa agora é que a equipe do Governo de Caetés possa concluir esse levantamento para que o Prefeito possa lançar o Edital do Concurso ainda neste ano, cumprindo dessa forma o que pontuou: “atender ao que determina o Tribunal de Contas”. Todavia, neste novo contato do Blog, Armando Duarte preferiu não estipular um prazo para o Concurso: “não tenho nada definido ainda. Estou esperando o material da assessoria jurídica e contábil para ver”, registrou o Prefeito da Terra de Lula.

OPINIÃO – Pelas colocações do Prefeito de Caetés acredito que o Concurso não deve ser realizado neste ano de 2014. Ao não ser que o próprio Prefeito resolva apertar a sua Assessoria, afinal é ele que determina a velocidade das medidas administrativas do seu Governo ou ainda que tenhamos uma atuação mais enérgica dos órgãos de fiscalização, como o Tribunal de Contas e o Ministério Público. Este último, que instituiu o programa Admissão Legal, que tem entre outros objetivos, acelerar os processos burocráticos e fazer com que as Prefeituras diminuam os vínculos temporários e promovam concursos, democratizando o acesso dos cidadãos ao emprego público.