w="300" h="250">
BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
BLOG DO CARLOS EUGÊNIO | domingo, 25 de maio de 2014

A Polícia Militar divulgou neste domingo, dia 25, a fuga
de 21 internos da Fundação de Atendimento Socioeducativo (FUNASE) de Garanhuns.
De acordo com a PM, os reeducandos realizaram uma rebelião na noite da última sexta-feira,
dia 23, fizeram duas agentes da unidade reféns e atearam fogo a colchões e a
vários móveis.

Segundo a Polícia, quando os policiais militares chegaram
à FUNASE, eles apagaram o fogo utilizando extintores das viaturas. Os
adolescentes liberaram as duas reféns. Ao tentar entrar na parte interna da Unidade,
a equipe da PM foi agredida com paus, pedras e outros objetos. Os internos já
haviam fugido por meio de um buraco que eles abriram no muro da unidade com
enxadas e outros materiais.
Por meio de nota, a assessoria de imprensa da FUNASE informou
que a unidade tem 91 internos. Dos que fugiram, 10 já foram recapturados. O
departamento informou ainda que dois internos maiores de 18 anos,
responsáveis  por iniciarem o tumulto, foram identificados, encaminhados à
delegacia da Cidade e autuados por danos ao patrimônio público. Ainda segundo a
nota, os internos foram encaminhados à Cadeia Pública de Garanhuns, onde
responderão pelo crime.
A assessoria informou também que o secretário estadual da
Criança e da Juventude, Pedro Eurico, e o presidente da FUNASE, Eutácio Borges,
passaram a manhã de ontem, sábado, dia 24, na Unidade avaliando a situação e
acompanhando as primeiras medidas.



Ainda de acordo com o Departamento, o local por onde os
adolescentes conseguiram fugir já está sendo recuperado e devidamente adequado
para evitar novas ocorrências. Uma sindicância será aberta pela Corregedoria da
FUNASE para apurar o caso.
(Com
informações do G1 e Imagem do site Agreste Violento – http://g1.globo.com/pe/caruaru-regiao/noticia/2014/05/pm-registra-rebeliao-na-funase-em-garanhuns-21-internos-fogem.html