BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
quinta-feira, 15 de abril de 2021

O Ex-prefeito Izaías Régis
(sem partido) buscou minimizar a rejeição das contas do seu Governo, referentes
ao exercício de 2018, que ocorreu durante reunião na Câmara de Vereadores de
Garanhuns nessa quarta-feira, dia 14 (relembre clicando AQUI). Ele também rechaçou totalmente a
possibilidade de vir a ficar inelegível por conta da decisão dos Parlamentares.

“Eu não fico inelegível de jeito
nenhum! Primeiro porque a Câmara errou totalmente. Eles não têm autonomia para
rejeitar contas que o Tribunal pediu para aprovar, sem justificar algo
insanável, algo insolúvel. Já contratei Advogados, que inclusive já tem jurisprudência
nesse sentido. Não tem esse negócio de Prefeito está mandando rejeitar contas
de adversário por questões políticas. Não fico inelegível”, chamou a atenção
Izaías Régis, que confiante na preservação dos direitos políticos, lançou a pré-candidatura
a Deputado Estadual nas eleições de 2022.

Dentre as decisões que Izaías
cita como jurisprudências, estão processos relacionados ao município de Joanésia-MG
(Processo n. 91-22.2016.6.13.0176/MG), analisado pela Ministra Rosa Weber, do
STF, e o julgamento do Processo nº 39-08.2016.6.08.0033/ES, realizado pelo
Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Em ambos os casos, segundo o Ex-prefeito, são
registradas situações semelhantes aos fatos ocorridos aqui em Garanhuns. “Não
terei ódio ou rancor dos meus algozes de hoje, pois sei que a fé cristã me fará
mais forte na busca pela justiça”, finalizou Izaías Régis.

CONFIRA A POSIÇÃO DE IZAÍAS RÉGIS CLICANDO EM PLAYER: