w="300" h="250">
BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
BLOG DO CARLOS EUGÊNIO | terça-feira, 14 de janeiro de 2014

E o Prefeito Izaías Régis
(PTB) já tem o mote para não conceder a sua ‘bênção’ aos planos políticos do
Presidente da Câmara de Garanhuns, o vereador Audálio Ramos Filho (PSDC), que
trabalha para se viabilizar candidato a Deputado Estadual com o apoio do grupo
político liderado pelo Prefeito Garanhuense.
É que em entrevista o Blog do
Jornalista Roberto Almeida, o Vereador Zaqueu Lins (PDT) lembrou da possibilidade
de o PSDC, partido ao qual está filiado Audálio Ramos, fechar um acordo com o
PSB para a eleição de Governador. “Se isto acontecer inviabiliza a candidatura
dele”, declarou Zaqueu, dando mote para o discurso de Izaías, caso não se
confirme o apoio do Petebista ao filho do ex-vereador Audálio Ramos.
De acordo com informações de bastidores,
Izaías desejava que Audálio tivesse se filiado ao PTB, todavia Audálio disputou
e venceu a eleição de 2012 pelo PSDC. Cogita-se nas rodas políticas da Cidade, que
Ramos ficará numa situação delicada caso o seu Partido declare apoio ao
candidato a ser lançado por Eduardo Campos.

OPINIÃO – É bom lembrar que quando Audálio foi para o PSDC não
havia qualquer sinalização de que pudesse vir a disputar um mandato de
Deputado. A possibilidade começou a ganhar força diante do seu trabalho à
frente da Câmara e da sua desenvoltura junto aos membros do Governo Izaías
Régis, como secretários, diretores e lideranças ligadas ao Prefeito. Também é
importante considerar que Ramos já declarou apoio incondicional a futura
candidatura de Armando Monteiro. Apesar de já ter o mote, um recuo mal
programado do Prefeito em relação a Audálio pode criar arestas na base e
prejudicar a hegemonia governista na Câmara após as eleições de outubro próximo.
Será?.