w="300" h="250">
BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
BLOG DO CARLOS EUGÊNIO | quinta-feira, 06 de março de 2014

Na próxima segunda-feira, 10
de março, Garanhuns comemora 203 anos desde a Carta Régia que elevou à
categoria de vila o antigo povoado, em 1811, marco do desenvolvimento do
interior do Nordeste. Para comemorar a data recentemente resgatada pela Câmara
Municipal, o Instituto Histórico e a Prefeitura Municipal estão promovendo uma
série de eventos, com palestras, exposições, lançamento de livros e shows
culturais. 
Dentre as atividades, será
aberta oficialmente a casa sede do Instituto Histórico, Geográfico e Cultural
de Garanhuns, que abrigará também o Museu Municipal. A casa pertenceu a vultos
políticos e comerciantes de Garanhuns, como ex-prefeitos, a exemplo de Souto
Filho, que se tornou a principal referência do imóvel localizado próximo à
Praça Cultural Mestre Dominguinhos. 
A atual gestão municipal,
tendo à frente o prefeito Izaías Régis, fez a cessão da casa ao Instituto, para
o objetivo cultural e histórico municipal. A restauração está em fase final de
acabamento, e durou mais de dois meses. “Não foi possível a restauração
completa, como gostaríamos, diante do quadro de descuido nos últimos anos, mas
com muito esforço, o Instituto Garanhuns fez os investimentos necessários para
esta abertura. Contamos com futuros projetos para dar continuidade às
obras” – relata o presidente da Câmara de Vereadores, Audálio Filho,
membro do Instituto Garanhuns. 



O presidente do Instituto, o professor e
historiador Cláudio Gonçalves, presidente do Instituto, afirma que a
programação conta também com o apoio de outras instituições: “Teremos
palestras com membros do Arquivo Público Estadual, que conta com vários
documentos históricos de Garanhuns, em uma programação que resgata nosso
município no tempo, aliás, em 203 anos, neste dia 10 de março, como sempre foi
comemorado ao longo dos anos”.