BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
quarta-feira, 07 de abril de 2021

Atualizada as 12h, de 07/04/2021: 

A Prefeitura de Garanhuns, através da Secretaria de
Saúde, se pronunciou sobre um fato relacionado ao processo de vacinação contra
a COVID-19, que repercutiu na Cidade nessa terça-feira, dia 6.

 

É que a cidadã Aurenice Lima se
mostrou em dúvida quanto ao serviço de aplicação da segunda dose da vacina
contra a COVID-19, que segundo Ela, teria sido administrada ou não em sua mãe,
a senhora Severina Bezerra de Lima, de 78 anos (confira clicando em player acima). A dúvida foi registrada na
manhã de hoje, dia 6, no ponto de vacinação que funciona na Escola Antônio
Gonçalves Dias, o CAIC, na comunidade do Indiano e deu-se por conta da falta de
apresentação da seringa vazia após o final da vacinação da Idosa, procedimento
que ainda não é obrigatório. O fato foi registrado no Blog do Cisneiros e no
Programa Combate, da Rádio 87 FM (relembre clicando AQUI)

Em resposta, a Saúde Municipal emitiu a seguinte
Nota de Esclarecimento:
 

Nota de Esclarecimento – Secretaria de Saúde

A Secretaria de Saúde de Garanhuns vem a público se
pronunciar acerca das falsas denúncias realizadas contra um servidor da pasta,
nessa quarta-feira (06), por uma cidadã, e que foram divulgadas através das
redes sociais por um blogueiro da Cidade. Ambos atribuíram de forma leviana ao
servidor a acusação de não ter realizado a vacinação de uma pessoa idosa do Município.

Desta forma, a Secretaria repudia qualquer tipo de
denúncia realizada de maneira sensacionalista e sem fundamentação. Acusar
alguém publicamente de um crime sem provas pode ser configurado como calúnia e
difamação. Por este motivo, profissionais da equipe compareceram na noite dessa
quarta à sede da Delegacia Regional de Polícia Civil em Garanhuns, para que
fosse registrado um boletim de ocorrência contra os acusadores. 

A Secretaria de Saúde reforça seu apoio aos servidores,
para que o processo investigatório tenha continuidade, inclusive com
representação junto ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e adoção das
demais medidas jurídicas cabíveis.

É importante destacar que mais 17 mil vacinas já foram
aplicadas no Município, desde o dia 20 de janeiro de 2021, e nenhuma prática
deste tipo foi registrada ao longo da campanha de vacinação. Vale ressaltar,
que esta conduta não é orientada pelas coordenações e diretorias que integram a
Secretaria de Saúde; ao tempo em que a pasta ratifica o zelo e profissionalismo
das equipes que atuam na campanha de vacinação contra a Covid-19 em Garanhuns (Secretaria de Saúde de Garanhuns)”.

CIDADÃ SE POSICIONA SOBRE NOTA
DA SECRETARIA DE SAÚDE –
Ao tomar conhecimento do teor da Nota de
Esclarecimento divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde, a senhora Aurenice
Lima manteve contato com o Blog do Carlos Eugênio e também se posicionou. Confira
a posição da cidadã clicando em player: