w="300" h="250">
BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
BLOG DO CARLOS EUGÊNIO | terça-feira, 12 de dezembro de 2017

 
Diante da falta de repasse para pagamento dos Médicos, os atendimentos na UPAE/Garanhuns foram suspensos no
dia de hoje (12), deixando cerca de 700 pacientes sem Atendimento.
A suspensão nos atendimentos
médicos pegou muita gente de surpresa. Pacientes de Garanhuns e de cidades da
região, como Bom Conselho, Iati e até Itaíba (distante 122Km), entre outras,
tiveram que voltar para casa sem antes ser atendidos por um profissional de Medicina.

De acordo com informações
repassadas pelo repórter Aurimar Ferreira, da Rádio Jornal Garanhuns, apenas os
atendimentos não-médicos, como aqueles realizados por fisioterapeutas, psicólogos,
fonoaudiólogos
 e nutricionistas, bem
como exames, como raios-x, mamografias e exames laboratoriais seguem sendo
prestados normalmente. “A UPAE segue aberta, porém não há médicos para realizar
os atendimentos médicos e cirúrgicos”, apurou o profissional com exclusividade para a Ronda Policial.

Tida como referência no
quesito presteza, organização e qualidade no atendimento, superando inclusive
unidade de saúde particulares da Cidade, a UPAE, que é administrada pelo IMIP, que por sua vez recebe o repasse do Governo Estadual, segue sem previsão quanto ao
retorno das atividades. O Governo do Estado ainda não se pronunciou a respeito
do repasse dos pagamentos aos Médicos, para que o atendimento médico seja
normalizado.
(Com informações e imagens
de Aurimar Ferreira/Rádio Jornal Garanhuns)