BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
quinta-feira, 13 de maio de 2021

A vereadora Magda Alves (PP) chamou
a atenção para a necessidade da ampliação no número de leitos voltados ao
atendimento de pacientes com COVID-19 aqui em Garanhuns.

A Parlamentar repercutiu o fato
de Garanhuns possuir apenas  30 leitos de
UTI, “desses, apenas 10 são exclusivos para pacientes do nosso Município. Já os
outros 20 leitos de UTI recebem pacientes de Garanhuns e de todos os municípios
do Agreste Meridional e até de outras cidades fora da nossa Região”, alertou
Magda. 

“Já em relação aos leitos clínicos, Garanhuns possuí apenas 40, que são
gerenciados pela Rede Municipal de Saúde; além de outros 18, divididos entre o Hospital
Dom Moura e o Perpétuo Socorro, que também atendem pacientes de outras Cidades da
Microrregião”, complementou a Parlamentar.

Diante do quadro apresentado,
Magda convocou todos os Vereadores a se mobilizar para que a Prefeitura de Garanhuns
e o Governo do Estado, possam, em caráter emergencial, instalar mais leitos no
Município. “Diante do colapso na oferta de Leitos e do crescimento assustador
dos casos e mortes por COVID-19, aqui em Garanhuns, se faz urgente que o
Prefeito e o Governador possam implantar novos leitos, tanto de UTI, quanto Clínicos,
para atender a nossa população”, alertou a Vereadora, que adota uma postura de
independência na Câmara de Garanhuns.

DENÚNCIAS JUNTO AO
MINISTÉRIO PÚBLICO –
E a Vereadora Magda Alves protocolou duas denúncias junto
ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE), quanto a supostas irregularidades envolvendo
servidores ligados ao Governo de Garanhuns.

Em Ofício enviado ao Ministério
Público, a Parlamentar registrou notícia
de fato para que o Órgão apure um suposto acúmulos de cargos públicos na
Prefeitura de Garanhuns e no Governo do Estado. Segundo Ela, são Servidores que
estariam recebendo salários em duplicidade, tanto dos cofres estaduais, quanto municipais.
Daniel de Andrade Penaforte; Lucimar Maria de Oliveira; Antônio César Brasil de
Moraes; Dário Pessoa Ferraz Júnior; Vera Lúcia Albuquerque Sarmento; Maria
Valquiria Goes Lima Duarte; Gessika Maria da Silva; Maria de Fátima Barbosa
Nunes; Paulo Ricardo Ramos Mendonça Filho; Paulo Pinto da Silva; Rodolpho
Almeida de Melo; Carlos José Barros; Oliveira Santos da Silva e Evelisio Tavane
Oliveira Barros, são os servidores citados por Magda Alves na denúncia
protocolada junto ao MPPE. “Para salvaguardar os recursos públicos, reivindiquei
que os pagamentos, se irregulares, sejam suspensos, evitando maiores danos ao
Erário Público”, registrou a Vereadora em postagem nas Redes Sociais.

Outra denúncia protocolada por Magda Alves registra a suposta prática de
nepotismo no Governo de Garanhuns. É que em Ofício enviado ao MPPE, a Vereadora
solicitou que o Promotor Domingos Sávio averigue a contratação do Servidor 
Sandro Rogério Santana de Godoy,
que seria irmão do secretário de Administração, Acácio Godoy. “O denunciado
exerce a função de
Coordenador de Iluminação Pública, com a Matrícula nº
16274, mediante contrato, através da
Secretaria de Administração, firmado em fevereiro de 2021”, chamou a atenção
Magda Alves em postagem nas Redes Sociais.

O Blog está à disposição do Ministério Público e do Governo Municipal de Garanhuns, bem como dos
servidores municipais citados na denúncia da Vereadora, para publicar as suas versões quanto aos fatos registrados
nesta reportagem.