BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
quarta-feira, 24 de março de 2021

A Pandemia vem dizimando
empregos e ampliando o quadro de dificuldades, sobretudo para àquelas famílias
com menor poder aquisitivo. Aqui em Garanhuns, essa realidade não é diferente e
a cada dia mais famílias precisam do auxílio da Prefeitura, inclusive no
aspecto alimentício.

Diante dessa realidade, a jornalista Josália
Pimentel, que já atuou em diversos jornais de Garanhuns e atualmente assina
coluna no Jornal Rota do Crime, enviou o relato da cidadã Ana Paula Macêdo, que
reside no bairro São José. Ela revela a necessidade e reclama da distribuição
de Cestas Básicas por parte da Prefeitura de Garanhuns, através do CRAS, instalado
na comunidade da Brasília, no bairro São José.  

Segundo, Josália, a Cidadã, que também teve sua reclamação veiculada pelo repórter Luiz Andrade, do Programa Combate, da Rádio 87 FM, relatou ter aguardado por algumas horas a entrega de uma Cesta Básica no CRAS da Brasília e saiu do espaço sem os gêneros alimentícios. “Isso é uma humilhação! Nós que necessitamos de ajuda estamos indignados com esse descaso. Tinha gente filmando, mandei zap para a jornalista Josália Pimentel e dei entrevista no programa Lasca Luiz, reclamando. Saiu um dos funcionários e disse que só tinham 10 cestas básica em seguida disse que eram 20 feiras e deram. Desde janeiro que a gente não recebe feira e agora depois que foi denunciado nas rádios, apareceu. Saí de lá meio-dia sem minha feira (cesta básica) e não deram previsão de quando ia chegar nossas feiras”, garantiu a cidadã Ana Paula Macêdo, no relato a Jornalista, que citou um princípio de protesto das pessoas que aguardam cogitou procurar o Ministério Público para registrar o fato.

O Blog do Carlos Eugênio vem mantendo contato com a Secretaria de Assistência Social, através da Assessoria de Imprensa, porém não recebemos até o momento qualquer resposta. Em contato com o Prefeito Sivaldo Albino (PSB), o Blog apurou que foram adquiridas, recentemente, pouco mais de 500 Cestas Básicas para distribuição através do CRAS e que, através de uma “compra direta” será viabilizada a aquisição de outras 3 mil. Ainda segundo o Prefeito, que não estimou prazo para as aquisições e consequente distribuição junto às famílias que estão em situação de vulnerabilidade social, um processo licitatório será organizado para compra de uma quantidade maior de cestas básicas, todavia ainda não foi definida essa quantidade. Ele registrou que vai apurar a reclamação da cidadã Ana Paula Macêdo.


QUER SABER MAIS SOBRE O CARTÃO DE TODOS? CLIQUE AQUI.