w="300" h="250">
BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
BLOG DO CARLOS EUGÊNIO | quarta-feira, 16 de julho de 2014

Autoridades responsáveis pelo
planejamento e execução do Festival de Inverno de Garanhuns estiveram reunidos na
manhã da última segunda-feira, dia 14, no auditório do Ministério Público para discutir a
atuação das instituições competentes na 24ª edição do evento, que começa nesta quinta-feira, dia 17, e segue até o sábado, dia 26. A audiência foi
presidida pela promotora de Justiça da Vara da Infância e Juventude de
Garanhuns, Marinalva Almeida.
O objetivo da pauta de
discussão era o de firmar uma parceria de todos para que o festival transcorra
sem problemas sérios. Foi levada em consideração a experiência do ano passado
para o fechamento do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) – aprovado e
assinado por todos os presentes ao fim da ocasião.
Entre as principais
definições, que inclusive compõem um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), ficou
estabelecido a proibição de entrada de pessoas portando garrafas de vidro e que
as polícias Civil e Militar terão efetivos direcionados para a festa, assim
como a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Corpo de Bombeiros e a Autarquia
Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes (AMSTT), assim como já ocorre
tradicionalmente.
Todavia, uma medida deve chamar a atenção de
todos, sobretudo o público jovem que prestigia o Evento. É que segundo material
distribuído pela Prefeitura, “visando uma atenção especial nos cuidados às
crianças (menores de 12 anos de idade) e os adolescentes (até 18 anos) – toda
essa faixa etária só poderá ter acesso à Praça Cultural Mestre Dominguinhos –
antiga Guadalajara -, principal polo do Festival, acompanhado dos pais ou
responsáveis portando documento de identificação”, registra trecho do
informativo enviado a Imprensa pelo setor de Comunicação Social da Prefeitura
de Garanhuns.