BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
quinta-feira, 11 de fevereiro de 2021

A vereadora Magda Alves (PP)
vem se apresentando com uma grata surpresa na Câmara de Vereadores de
Garanhuns. Com uma postura de independência até o momento, a Parlamentar vem se
notabilizando por posições firmes e pela defesa da população.

Aos 29 anos, a Vereadora, que
é estudante do curso de Direito, pela FDG, e que foi eleita com cerca de 1.300 votos,
já mostrou mais serviço do que muitos Parlamentares com vários anos de Vereança.
Ela protocolou denuncia junto ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) que
resultou numa maior transparência por parte da Secretaria de Saúde na
divulgação dos nomes e informações das pessoas vacinadas contra a COVID-19 aqui
em Garanhuns (saiba mais clicando AQUI). O vereador Gersinho Filho (PTB), que faz oposição ao Governo Sivaldo Albino, também assinou o documento enviado ao
Promotor Domingos Sávio.

Magda Alves também provocou o MPPE
para que o Órgão apure se as nomeações, em cargos públicos municipais, de Cayo
Albino e de Sandra Albino, filho e irmã do Prefeito Sivaldo Albino (PSB) são
legais ou se configuram como prática de nepotismo. Ela também busca informações
quanto aos critérios adotados na Seleção Pública realizada pela AMSTT, que
ofertou apenas quatro vagas e foi disputada por mais de três mil candidatos.


Mostrando preocupação com o
quadro de desemprego no Município, durante a reunião ordinária da Câmara de
Garanhuns, realizada ontem, dia 10, a Vereadora usou a tribuna para se pronunciar
e entre outras posições, garantiu que buscará o Ministério Público e o Tribunal
de Contas do Estado para garantir Seleções Públicas mais transparentes e a
realização de um Concurso Público por parte da Prefeitura de Garanhuns. É que o
último certame promovido pela Prefeitura foi em 2015 e com a oferta de apenas 253
vagas.


“Se faz necessário abrir uma
seleção pública, com critérios claros e transparentes, para que aqueles que
estão desempregados, possam concorrer, em igualdade de condições, a uma vaga de
emprego na Prefeitura, mesmo que temporária nesse primeiro momento, e através
de um Concurso Público no próximo ano, pois essa também será uma bandeira
defendida por mim, aqui nesse plenário e junto aos órgãos de fiscalização, como
o Tribunal de Contas e o Ministério Público”, pontuou Magda Alves.

CLIQUE EM PLAYER PARA
CONFERIR ALGUMAS DAS POSIÇÕES DA VEREADORA MAGDA ALVES:
 

Para conferir o discurso da Vereadora Magda Alves na integra clique AQUI