w="300" h="250">
BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
BLOG DO CARLOS EUGÊNIO | domingo, 22 de julho de 2018

Faltando menos de um mês para
o início da Campanha Eleitoral, aqui no Agreste Meridional, os eleitores seguem
desanimados com a política e será mais difícil levá-los às urnas. A avaliação
foi feita por grande parte das lideranças ouvidas numa reportagem publicada no
Diário de Pernambuco.

Enquanto isso, os Prefeitos,
apesar da maioria cravar seus apoios, também podem mudar de palanque. É que
muitos aguardam uma definição mais clara do cenário político, sobretudo, quanto
a entrada ou não da vereadora Recifense, Marília Arraes (PT), na disputa, bem
como se Lula será ou não candidato a Presidente.

De acordo com as observações do
DP, hoje, dos 26 Municípios que integram o Agreste Meridional, em 21 deles os
Prefeitos sinalizam que votarão e pedirão votos para o Governador Paulo Câmara
(PSB), que disputará a reeleição. Outros três, Izaías Régis (Garanhuns); Regina
da Saúde (Itaíba) e Felipe Porto (Canhotinho) cravaram que apoiam o senador
Armando Monteiro (PTB), enquanto que Luiz Aroldo (PT), de Águas Belas, vai
esperar a definição do PT; e Armando Duarte (PTB), de Caetés, ainda não se
definiu quanto a disputa.


A reportagem do Diário também sinaliza
que a situação ainda não é clara, já que segundo observadores ouvidos pelo DP, no
próximo mês de agosto, deverão haver alterações favoráveis à oposição, com
dissidências e mudanças de lado. De certo mesmo é que o eleitor, diante de
tantas denúncias, está decepcionado com a política, o que certamente se refletirá num alto índice de abstenção. “A população está mais crítica,
insatisfeita e intolerante”, analisou um Prefeito da Região em reserva.
(Com Informações, Gráfico e Imagens do Diario de Pernambuco. CONFIRA)



Clique no Gráfico abaixo para conferir o Quadro Político Atual em Pernambuco: