BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
segunda-feira, 11 de outubro de 2021

 

O Governo de Garanhuns emitiu Nota no início da noite de hoje, dia 11, intitulada de “Diga Não às Fake News”, em que alerta a população quanto a uma “onda de Fake News e ataques por parte da oposição, contra o Prefeito e Secretários, com acusações infundadas e mentiras, com objetivo de manipular a opinião pública contra o governo que tem atuado para recolocar Garanhuns no eixo de desenvolvimento”. Na nota distribuída à Imprensa, a Prefeitura de Garanhuns cita o nome do ex-prefeito Izaías Régis, qualificando-o como “um dos incentivadores destas práticas” e citando que a antiga gestão “deixou o município com 22 obras inacabadas e uma dívida superior a R$ 110 milhões que vai atrapalhar as gestões no município por muitos anos”. Confira a Nota na Integra: 

 

 

“NOTA – Diga Não às Fake News

A atual gestão municipal de Garanhuns vem a público se manifestar contra a onda de Fake News e ataques por parte da oposição, contra o prefeito e secretários, com acusações infundadas e mentiras, com objetivo de manipular a opinião pública contra o governo que tem atuado para recolocar Garanhuns no eixo de desenvolvimento. Os ataques aumentaram após o lançamento do Programa DESENVOLVE GARANHUNS, com investimento superior a R$ 73 milhões, que vai transformar o município em um canteiro com mais de 30 obras de infraestrutura. A oposição ficou assustada e partiu para os ataques e mentiras.

 

 

É inacreditável que o ex-prefeito Izaías Régis esteja sendo um dos incentivadores destas práticas, quando todos sabem que deixou o município com 22 obras inacabadas e uma dívida superior a R$ 110 milhões que vai atrapalhar as gestões no município por muitos anos. Estas pessoas que atacam não querem que Garanhuns volte a investir na infraestrutura urbana, com novas praças, Unidades de Saúde, Escolas, Creches, Quadras Poliesportivas, etc, com único objetivo de tentar retornar no futuro ao governo. Não pensam em Garanhuns, apenas em seus próprios umbigos.

 

 

Recebemos a gestão municipal com 57 escolas, das quais 48 não tinham condições de aulas presenciais, já requalificamos 22 e abrimos duas novas, vamos construir novas escolas, modernas e adaptadas ao novo patamar da nossa educação. E cinco novas creches, aquelas que o ex-prefeito abandonou. Vamos fazer sim os investimentos que a educação precisa para se modernizar, não apenas as escolas, mas aquisição de material didático e laboratórios de informática, pois recebemos o município  mal colocado no ranking da educação na região, e projetamos nos posicionar entre as melhores do estado, e isto se faz com investimento, valorização do quadro profissional e condições dignas e modernas para nossos alunos estudarem. A verdade é que nossa educação estava abandonada, para se ter ideia, 73% das crianças matriculadas na rede municipal não sabiam ler e escrever.

 

 

Continuamos acreditando na justiça para impedir que as Fake News e ataques de cunho pessoal não se tornem comum em nosso município, temos combatido e vamos continuar assim, levando para as instituições judiciárias aqueles que utilizarem suas redes sociais para compartilhar e viralizar mentiras, as chamadas Fake News. Vamos mostrar que a verdade será uma cidade, com seus distritos e zona rural, com novas estruturas urbanas, melhor qualidade de vida, investimentos e moderna para atrair empreendimentos que gerem emprego e renda. Diga Não às Fakes News, não compartilhem mentiras e exijam que estas pessoas tenham responsabilidade com Garanhuns (Governo Municipal)”.

 

 

A POSIÇÃO DE IZAÍAS RÉGIS – O Blog do Carlos Eugênio manteve contato com o ex-prefeito Izaías Régis para que, como citado, pudesse dar a sua versão quanto as informações registradas na Nota divulgada pela Prefeitura de Garanhuns. Régis buscou justificar as obras inacabadas; garantiu também estar sendo alvo de Fake News; negou ter deixado débitos para a atual Gestão e partiu para o ataque registrando que o atual Prefeito “não sabe o que é administração”. (Confira a posição do Ex-prefeito na Integra clicando em player no vídeo acima).