BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
quinta-feira, 02 de julho de 2020

 
Se antes da pandemia alguém
tinha dúvida sobre o poder dos exercícios físicos na promoção de saúde e
qualidade física, agora não tem mais. Apesar das limitações impostas pelo Novo Coronavírus,
os exercícios se consolidaram como remédios naturais contra ansiedade,
depressão, entre outros sintomas de doenças crônicas. É o caso do
ultramaratonista Lula Holanda, que já superou a marca de 1.000km percorridos,
em casa, durante a pandemia da COVID-19.


Aos 66 anos, Lula tinha o
hábito de correr pelas ruas do Recife e de participar de Corridas, Maratonas e Ultramaratonas por todo o Mundo. No entanto, por conta da expansão da
doença e por ser grupo de risco, ele precisou se readaptar a nova realidade.
Passou a fazer 10km todos os dias dentro de casa, servindo, inclusive, de
inspiração para amigos de todo o Brasil.


Homenageado pela Federação Pernambucana de Atletismo (FEPA), Lula continuará em casa até se
sentir seguro em voltar para rua. “O desafio continua. Porque eu sou idoso. Eu
corro feito um menino, mas sou idoso. Vou continuar por amor a minha família,
porque amo correr e para motivar meus amigos”, pontuou Lula. (Com informações de Gabriela
Máxima
/JC. CONFIRA)