BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
terça-feira, 19 de janeiro de 2021

Candidatos aprovados no Concurso
Público realizado pela Prefeitura de Correntes, em 2017, seguem buscando a convocação
para assumirem os seus cargos naquele Município. É que de acordo com uma
Comissão formada pelos Concursados, alguns cargos seguem pendentes da
convocação e vem sendo preenchidos por Servidores Contratados, o que é
irregular segundo a Lei. O receio dos aprovados também é que a validade do
Concurso se encerre, sem que o Prefeito Hugo da Bahia (PSB) os convoque para
assumir as suas funções.

Segundo a Comissão, nove
candidatos continuam aguardando a convocação para o cargo de Guarda Municipal, sendo
5 das vagas e 4 do cadastro de reserva. Outros oito aprovados para o cargo de
Auxiliar Administrativo e três Motoristas, bem como uma Nutricionista também
seguem esperando o chamamento do Governo Correntino para assumirem as suas funções.
“Somos, ao todo, 21 candidatos que se encontram sem nenhuma resposta oficial da
Prefeitura. Tememos o não chamamento e a continuação ilegal de pessoas em cargos
temporários nas vagas dos concursados, o que é inconstitucional”, registrou um
dos Concursados, em reserva ao Blog. Ele também enviou cópias de documentos que,
segundo a Comissão, comprovam a existência de contratados nas vagas dos Concursados (imagem abaixo).

Imagem do Portal da Transparência de Correntes

Em contato com a Prefeitura de
Correntes, coube ao ex-prefeito e atual secretário de Governo, Edimilson da
Bahia, responder a demanda, haja vista que foi durante o seu mandato que o
Certame foi promovido. Segundo o ex-Prefeito, apesar de já terem sido convocados
cerca de 80% dos aprovados para assumirem as funções, ainda não há previsão
para que os demais sejam chamados para trabalhar. Edimilson negou que hajam servidores temporários nas vagas dos Concursados.  
 


“Não existe nenhum contratado
tirando o direito ou as vagas de Motoristas, de Guardas Municipais, de Auxiliares
Administrativos que foram aprovados no Concurso de 2017”, garantiu Edimilson,
que complementou: “conversei com o Prefeito Hugo da Bahia, falo em seu nome, e Ele
nos garantiu que antes do Concurso perder a sua validade, vai fazer o possível
e o impossível, para chamar o restante do pessoal”, pontuou o ex-prefeito, justificando
que o ano de 2020, marcado pela Pandemia e por dificuldades financeiras,
inviabilizou as convocações.
 


O Concurso da Prefeitura de
Correntes foi realizado em novembro de 2017, tendo sido homologado em fevereiro
de 2018 e prorrogado no ano passado. O Certame que ofereceu 104 vagas, sendo 5
para Guarda Municipal; 7 para Auxiliar Administrativo; 3 para Motorista e 1
para Nutricionista, tem validade vigente até 31 de janeiro de 2022.
 

CLIQUE EM PLAYER E CONFIRA
A POSIÇÃO DO SECRETÁRIO EDIMILSON DA BAHIA: