BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
domingo, 29 de março de 2020

 
O ministro da Saúde,
Henrique Mandetta, disse ontem, dia 28, durante entrevista coletiva, que o
momento é de ficar em casa para não sobrecarregar o Sistema de Saúde. Ele
também criticou a realização de carreatas e convocou a população, governadores
e prefeitos a adotar uma ação coordenada, planejada, sem olhar apenas
localmente. 
“Se todo mundo começar a
ir pra rua sem que os equipamentos de proteção individual cheguem aos
profissionais de saúde vai faltar gente e não vai ter gente para trabalhar nos
CTIs, por exemplo. As pessoas que estão nos CTIs precisam de profissionais
especializados, que sabem tratar pessoas no limiar entre a vida e a
morte”, alertou. Mandetta afirmou que não existe quarentena vertical nem
horizontal, o que existe é planeamento para olhar o todo e planejar o
que é possível fazer. 
Mandetta também alertou para o
perigo do uso da cloroquina em pacientes com sintomas leves, lembrando que a
indicação é para casos graves. “A cloroquina provoca arritmia cardíaca e
paralisa a função do fígado. Não é para sair da farmácia carregando uma caixa
debaixo do braço e levar. Além dela também estamos pesquisando outros
medicamentos”, adianta. 
NÚMEROS DO COVID-19 – Durante
coletiva também foram atualizados os casos no País. Até às 15 horas de ontem,
dia 28, os casos confirmados registraram um crescimento de 14% em relação ao
dia anterior, totalizando 3.904 casos e 114 mortes. Em Pernambuco, que
registrou a primeira morte na última quarta-feira já conta com 68 casos e 5
mortes, além de registrar a cura de 5 pessoas.

GARANHUNS – E o número de casos em Isolamento
Domiciliar, aqui em Garanhuns, que estão sendo monitorados pela equipe da
Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, foi
ampliado de 57 para 63. Na última segunda,
dia 23, eram apenas 2. “São casos que apresentam sintomas de Síndrome Gripal
e/ou viajaram para locais com casos confirmados para o COVID-19”, registra a Secretaria de Saúde. Até o momento,
o município de Garanhuns não tem nenhum caso confirmado para o Novo Coronavírus. 
(Com informações de Adriana Guarda/JC.
CONFIRA)