BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
segunda-feira, 10 de janeiro de 2022

 

Garanhuns segue apresentando uma crescente no número de pessoas internadas com COVID-19 no Hospital Regional Dom Moura e no Hospital Perpétuo Socorro, este último, que apesar de ser Particular, mantém convênio com o Governo do Estado e recebe pacientes do SUS, através da Regulação da Secretaria Estadual de Saúde.

 

 

HOSPITAL DOM MOURA – De acordo com informações repassadas ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) pela direção da Unidade, às 17h desse domingo, dia 9, oito leitos de UTI para tratamento de pacientes com COVID-19 no Hospital Regional Dom Moura (HRDM) estavam ocupados. Dos pacientes, três são de Garanhuns: duas mulheres, de 86 e 79 anos, e um homem de 79 anos. Todos já haviam recebido duas doses de vacinas contra a COVID-19. Também há pacientes com idades entre 54 e 89 anos, oriundos dos municípios de Ipojuca; Saloá; Cachoeirinha e Bezerros (2).

 

 

Já o setor de enfermaria COVID-19 do HRDM, registrava no final da tarde desse domingo, dia 9, seis pacientes. Desses, quatro são de Garanhuns (3 homens, com idades entre 25 e 81 anos e uma mulher de 68 anos). O paciente de 81 anos já havia tomado as três doses da vacina contra a doença, enquanto os demais, apenas duas doses. Uma paciente de Capoeiras (53 anos) e outro de Bezerros (67 anos) também estão internos naquela Unidade Hospitalar. Duas meninas, de 4 meses e 6 anos, também seguiam internas nesse domingo, dia 9, no Setor Pediátrico COVID-19 do HRDM, que ainda conta com uma Menina de 4 anos (de Iati) e um Menino de 5 anos, de Bom Conselho, entre os internos.   

 

 

PERPÉTUO SOCORRO – Já o Boletim enviado pelo Hospital Perpétuo Socorro ao MPPE, registra que doze pacientes seguem internados na UTI/COVID-19, todavia não há registro de pacientes de Garanhuns no Setor. Os internos são oriundos dos municípios de Caetés; Lajedo; Paranatama; Jupi; São Bento do Una; Brejo da Madre de Deus; Bezerros; Bonito; Pesqueira e Frei Miguelino. Uma Garanhuense, de 91 anos, está internada num leito de retaguarda COVID-19 no Hospital Perpétuo Socorro.

 

 

AMPLIAÇÃO DE LEITOS – “Esperamos que não precisemos usar, mas estamos com a estrutura pronta. Se precisarmos usar os Leitos, montaremos rapidamente na antiga UPA ou em outro local”, registrou o Prefeito Sivaldo Albino (imagem acima ao lado do secretário Estadual de Saúde, André Longo) em recente entrevista na Rádio Jornal, deixando claro que a secretaria Municipal de Saúde se mostra atenta e pronta para montar uma Unidade para Tratamento de Pacientes com a Doença caso venha a ser necessário.

 


 

Atualmente, o Município conta com 30 leitos de UTI; 10 de enfermaria e 10 pediátricos, que recebem pacientes de várias cidades, através da Regulação Estadual. Antes da desmobilização de leitos, em outubro passado, por conta do decréscimo nos casos da doença, Garanhuns possuía 40 leitos de UTI, sendo: 20 no Hospital Perpétuo Socorro; 10 no Hospital Regional Dom Moura e outros 10 na Unidade de Tratamento COVID-19, mantida pela Prefeitura, além de uma sala de estabilização com três leitos de UTI e 58 leitos de enfermaria distribuídos entre a Unidade de Tratamento; o Dom Moura e o Hospital Palmira Sales. Também haviam 10 leitos no Setor Pediátrico COVID-19 do HRDM e existia o planejamento para abertura de mais dez leitos de UTI no Hospital Regional Dom Moura.  (Blog do Carlos Eugênio – www.blogdocarloseugenio.com.br. Não está autorizada a reprodução desta matéria, na Íntegra, nas Redes Sociais – Instagram e Facebook -, ainda que citada a fonte).