BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
segunda-feira, 13 de abril de 2020

A instalação de um Hospital de
Campanha em Garanhuns, com os custos compartilhados pelas 26 prefeituras do
Agreste Meridional, para reforçar o atendimento aos doentes da região contaminados
pelo Novo Coronavírus, foi uma das sugestões apresentadas na primeira reunião
da Frente Operacional de Combate ao COVID-19 no Agreste (Foco Agreste), nesse sábado,
dia 11, aqui em Garanhuns. A reunião foi transmitida ao vivo pelo Facebook, sendo
fruto de uma inciativa do deputado federal Fernando Rodolfo (PL).


A ideia partiu da prefeita de
Capoeiras, Neide Reino (PSB), e teve o apoio imediato da maioria dos 14 Prefeitos
que participaram da primeira reunião da Foco Agreste, que durou cerca de três
horas. Ela também preside a CODEAM, e anunciou que em parceria com a UPE,
estarão sendo distribuídos entre as Prefeituras consorciadas e o Hospital
Regional Dom Moura quase 6 mil litros de Álcool a 70%, para assepsia de profissionais
de saúde e da população.


Outro consenso entre os
participantes foi a necessidade urgente de se ampliar a UTI do Hospital Dom
Moura, em Garanhuns, que só dispõe atualmente de 16 respiradores. O Prefeito de
Garanhuns, Izaías Régis (PTB), chamou a atenção ao fato de que os doentes com
suspeita de COVID-19, do Agreste Meridional, atualmente, são transferidos para
o Recife. 


“Nós não temos leitos no Agreste Meridional (para tratar doentes do
COVID-19). É chegar aqui (Hospital Dom Moura) e mandar para Recife, que vai
explodir também os leitos do Hospital de Referência. Não vai aguentar, porque
está com essa carga toda, do Estado todo”, alertou Izaías, que complementou
dizendo que os doentes do Agreste Meridional devem ser cuidados em Garanhuns. “Salvar
vidas, tirando daqui para levar para Recife, não salva, não vai salvar! É
melhor ficarmos com eles (doentes) aqui, cuidando das pessoas aqui”, pontuou
Izaías.


O deputado federal Sílvio
Costa Filho (Republicanos), que também esteve na reunião, junto com os
deputados federais André Ferreira (PSC) e Daniel Coelho (PSDB), propôs a
formação de um comitê da Foco Agreste para levar as demandas dos Prefeitos da
região ao Governador Paulo Câmara. Para conferir a íntegra da reunião do
comitê de crise do Agreste clique AQUI.



Clique em player e confira a posição defendida pelo
Prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, a respeito de leitos no Agreste Meridional: