BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
sexta-feira, 30 de julho de 2021

A AMSTT informou ter passado a integrar o Sistema de Notificação Eletrônica (SNE), que permite desconto de 40% no valor das multas e mais agilidade no tempo de emissão das notificações. (relembre clicando AQUI). Todavia não é isso que está acontecendo na prática.

Um Cidadão Garanhuense que pediu reserva da identidade manteve contato com o Blog do Carlos Eugênio assim que a notícia da adesão foi divulgada para relatar que o Serviço não está funcionando como deveria. “Fui multado em junho e não recorri da autuação pois realmente cometi a infração. Então fiz a solicitação no último sábado, dia 24, para efetuar o pagamento da multa antes do seu vencimento com 40% de desconto. Daí recebi a informação que em até 72 horas o Órgão Autuador, no caso a Prefeitura de Garanhuns, para disponibilizar o Boleto, mas até agora, 144 horas depois, ainda não consegui ter acesso a essa Guia para efetuar o pagamento”, registrou.

Em contato com a AMSTT, recebemos a informação de que “o próprio SNE (Sistema de Notificação Eletrônica) é o responsável pela disponibilização do Boleto. A AMSTT é um órgão, Autarquia Municipal, com poderes para autuar, porém, não cabe a ela cobrar os autos, isso é feito pelo DETRAN-PE, Órgão ao qual temos esse Convênio. Essa disponibilização é feita pelo próprio Sistema”, registrou a Autarquia, via assessoria. O Blog do Carlos Eugênio vai buscar manter contato com o DENATRAN e com o Detran-PE para esclarecer a quem pertence a atribuição de liberar o Boleto para que o Cidadão possa exercer o seu direito de pagar pela infração cometida.