BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
quinta-feira, 18 de março de 2021

As vereadoras Fanny das Manas
(PT) e Magda Alves (PP) apresentaram proposições na Câmara de Vereadores nessa quarta-feira, dia 18, visando
prestar assistência às famílias carentes de Garanhuns, sobretudo no atual
momento de desemprego e de dificuldades geradas pelas consequências da Pandemia
e das medidas de restrições para conter o avanço do Novo Coronavírus.

A petista Fanny, que exerce um mandato coletivo juntamente com Fernanda Limão e Marília Ferro, apresentou requerimento
registrando a necessidade da distribuição de marmitas solidárias para a
população vulnerável do Município. Ela também apresentou um Projeto de Lei, que
prevê a oferta de um suporte econômico mensal, por parte da Prefeitura, à
população desamparada financeiramente ao longo deste ano de 2021. O Projeto
agora segue para avaliação nas Comissões, cuja reunião deve acontecer no
próximo dia 30.

Já a vereadora Magda Alves
defende a distribuição de Cestas Básicas junto às famílias carentes atendidas
pelos CRAS, bem como a distribuição do Kit Merenda aos estudantes das Escolas
Municipais de Garanhuns. “Alguns municípios do Agreste Meridional, a exemplo de
Jupi, Canhotinho, Paranatama, Calçado, entre outros, vêm adotando providências
para distribuir alimentos junto às famílias carentes. Tal exemplo deveria ser
seguido por Garanhuns, que dispõe de cerca de R$ 30 milhões de reais em
reservas, conforme registrado pelo Prefeito Sivaldo Albino em recentre
entrevista à Rádio Jornal Garanhuns”, registrou a Parlamentar.

PREFEITURA DE GARANHUNS – Após
planejar investir mais de R$ 1,5 milhões de reais (R$ 1.543.980, 48) na compra
emergencial de produtos, sem licitação, informações dão conta que a secretaria
de Educação iniciará a distribuição dos Kits Merenda a partir dessa sexta-feira,
dia 19. A entrega dos Kits nas Unidades Escolares acontecerá até o próximo dia
30, com os Gestores Escolares sendo responsáveis pela entrega junto as
comunidades escolares.


O Blog do Carlos Eugênio apurou
que a Prefeitura de Garanhuns havia comprado, também de forma emergencial, 320 Cestas
Básicas, para distribuição junto às famílias carentes do Município. Todavia em
pesquisa realizada junto ao Diário Oficial dos Municípios não foram encontrados
registros dessa aquisição, bem como a Municipalidade ainda não divulgou a
logística da distribuição. O Blog manteve contato com a Secretaria de Assistência
Social para buscar informações quanto aos procedimentos de compra e distribuição
dos alimentos, mas até o momento não obtivemos retorno.