BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
quinta-feira, 03 de junho de 2021

Um novo aumento na conta de luz começou a
vigorar desde a última terça-feira, dia 1º. Com os níveis baixos dos
reservatórios das hidrelétricas, a Aneel decidiu acionar a bandeira tarifária vermelha, patamar 2. Isso significa
energia mais cara, um aumento de 5,6% em relação à conta de maio.

Diante dos sucessivos
reajustes na conta de energia elétrica, medidas de economia se fazem
necessárias e já foi a época que a casa inteligente parecia uma realidade
distante. Hoje, está ao alcance de todos e pode sim contribuir para a
diminuição do consumo elétrico. É que os produtos conectados estão cada vez
mais acessíveis: basta investir um pouco e as rotinas se tornarão mais simples
e econômicas.

E nessa realidade de Pandemia, com a população cada vez mais
em casa, aliando trabalho, descanso e lazer num único ambiente, a inserção
de tecnologias inovadoras que facilitem o dia a dia, com mais
conforto, segurança e ainda proporcionando economia é fundamental.

De olho nesse conceito e nas
inovações do mundo atual, a Ferreira Costa apresenta a
Lis Smart Home. Uma marca com venda exclusiva no Home
Center que proporciona tudo isso ao transformar qualquer lar em uma
casa funcional. O objetivo é o de adicionar mais
tranquilidade ao dia a dia. Quer saber mais sobre esse assunto? Então
clica AQUI.


Para conectar as soluções da Lis com qualquer
dispositivo que possua conexão infravermelho (televisões, ar-condicionado,
ventiladores, receptores de TV por assinatura, equipamentos de som, entre
outros.) basta ter uma rede wifi de 2,4GHz. Com
isso, ela permite controlar o dispositivo à distância apenas por um comando
de voz ou o aplicativo para celular.  

Ou seja, é sobre levar soluções personalizadas de
acordo com as suas necessidades, de cada ambiente e estilo de vida, como por
exemplo juntar todos os seus controles remotos através do Controle
Inteligente Universal Infravermelho Smart – Lis, que ajuda a programar suas
rotinas de forma organizada e planejada. 

A casa conectada, por meio da automação, muda a vida
dos moradores, reduzindo o tempo e flexibilizando completamente a realização de
tarefas cotidianas. Hoje, qualquer dispositivo elétrico pode ser
integrado a uma rede através do nosso Smart Plug, podendo ligar e desligar
seus eletrodomésticos com apenas um clique no celular, além
de controlar temperatura do ambiente e a iluminação e até mesmo playlists
de música e os seus canais preferidos de Tv, e ainda acompanhar o consumo
de energia em tempo real, proporcionando a economia na conta de luz da
família. 

Para quem deseja começar o processo de automação e entender
um pouco melhor o futuro da Lis Smart Home, entre os dispositivos mais
fáceis de instalar estão as lâmpadas inteligentes, que costumam funcionar sem
problema nos bocais e luminárias comuns. É possível ligar e desligá-las, mudar
a intensidade e até a cor da iluminação. 

Outro dispositivo fácil de instalar são
os smart plugs, ou tomadas inteligentes. O usuário conecta o
eletrônico desejado e libera, pelo smartphone ou assistente de voz, a entrada
de energia para ligar o aparelho. 

Uma terceira opção de produto inteligente são os controles
universais conectados, um hub que consegue enviar comandos para todos os
aparelhos do ambiente que tenham controle remoto com infravermelho. Assim, com
apenas um dispositivo, você pode comandar sua TV, aparelho de som,
ventilador, ar-condicionado,etc. 

E para conhecer mais um pouco desta nova tecnologia, o Home
Center Ferreira costa preparou uma Casa Inteligente dentro das suas
lojas físicas para que o consumidor veja o uso dos produtos Lis na
prática e também presença de promotoras que apresentarão os
produtos, explicando o seu uso. Além das lojas físicas,
os produtos da Lis Smart Home também podem ser
encontrados no www.ferreiracosta.com

Vale registrar que só no Brasil,
são 300 mil exemplares de um total de 60 milhões de residências que contam com
algum tipo de automação. E isso, é só o começo. De acordo com a
Associação Brasileira de Automação Residencial e Predial (Aureside), o uso de
dispositivos para casas inteligentes deverá crescer uma média de 20% até
2023.