BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
sexta-feira, 05 de fevereiro de 2021

Depois da decisão do Tribunal Regional Eleitoeral (TRE) em rejeitar
os embargos de declaração apresentados pela defesa do Prefeito de Palmeirina, Eudson
Catão (MDB), mantendo o indeferimento do seu registro de candidatura e cassando
seu diploma de Prefeito, o presidente da Câmara, vereador Lecinho Vieira
(Solidariedade) assumiu, interinamente, o governo de Palmeirina na noite de
ontem, dia 5.


Lecinho foi empossado Prefeito
pela Câmara de Vereadores em solenidade que contou com a presença da Delegada
Thatianne Macêdo, 2ª colocada nas eleições de 2020. O vereador Antônio Santana
(PP), o Toinho Santana, atual Vice-presidente da Câmara de Palmeirina,
assumiu a Presidência do Poder Legislativo também de forma interina. Após a posse e certamente num ato
simbólico, o Prefeito Interino e seus aliados visitaram a sede da Prefeitura.

A expectativa é que caso o
recurso de Eudson Catão não seja acatado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE),
novas eleições sejam marcadas para definir o novo Prefeito de Palmeirina. Até
que a situação eleitoral seja resolvida, o Município será administrado pelo vereador
Lecinho Vieira. (Com imagens de Edson Monteiro/Divulgação)