BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
sexta-feira, 17 de abril de 2020

 
Um grupo de amigos moradores
da rua Mariápolis, no bairro do Magano, aqui em Garanhuns, resolveu se unir por
um bem maior: ajudar o próximo, sobretudo Caminhoneiros, que atualmente sofrem
com restaurantes fechados por todo o Brasil, e famílias carentes de Garanhuns.

Comandados pela família Leite,
que tem a mãe Robéria, como líder, o Grupo arrecada doações de gêneros alimentícios
e prepara refeições em quentinhas para distribuir junto aos caminhoneiros que
passam por Garanhuns. 

“Com todos os cuidados sanitários, nesta semana já entregamos na segunda e na quarta e
vamos entregar quentinhas hoje também. Na quarta foram distribuímos 50, mas não
temos uma quantidade exata, pois dependemos do fluxo das doações. Se recebemos
muitos alimentos, fazemos mais refeições”, registra Sidney Lima, um dos
voluntários do grupo.
A distribuição das quentinhas
é feita na BR 423, nas imediações da UPAE. “Além do alimento, levamos água e
uma mensagem de agradecimento aos caminhoneiros, que mesmo nessa Pandemia, não
deixam as famílias do Brasil desabastecidas de alimentos e os nossos doentes de
remédios e insumos médicos”, registra o também voluntário Genário Macena.

Além das refeições para os
caminhoneiros, o Grupo também prepara uma sopa semanal, que é distribuída de
forma itinerante nas localidades que apresentam famílias em vulnerabilidade
social. “Nessa quarta estivemos na Cabeça de Porco e distribuímos cem litros de
sopa e pães. Mas já estivemos distribuindo também na Vila Canadá; na
Massaranduba; na rua da Tábua (Capitão Tomaz Maia) e na subida do Cristo do
Magano”, registra Odair Leite, que juntamente com a mãe Robéria e as irmãs Ana
Cláudia e Alessandra Leite, colocam a casa a disposição do grupo e trabalham na
preparação dos alimentos.
Mas para que esse belo
trabalho social tem sequência ou possa vir a ser ampliado, a participação da sociedade,
através de doações, é fundamental. “Recebemos doações de arroz, feijão, carne, frango,
ovos, verduras e legumes, assim como recipientes para as marmitas, talheres descartáveis,
água, pães e botijões de gás. Tudo que chega é bem-vindo e se torna alimento
para os caminhoneiros ou para as famílias carentes”, chama a atenção Sidney
Lima, que registra: “além de Robéria, que é fundamental para esse trabalho,
juntamente com Odair, Ana Cláudia e Alessandra, ainda contamos com Josa, Riam, Raphael,
Cinara, Genário, Thaís, Maiza, Rosângela e Angelina Vieira nesse trabalho de
ajudar ao próximo”, finaliza Sidney.

COMO AJUDAR – Se você
quer participar desse trabalho através de doações de alimentos perecíveis ou
não perecíveis basta entrar em contato com
Robéria ou Odair através dos
telefones/Whatsapp (87) 99931-6276 e 99965-0617
. A equipe vai buscar as doações
em sua casa.