w="300" h="250">
BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
BLOG DO CARLOS EUGÊNIO | segunda-feira, 10 de junho de 2013


A Autarquia  do Ensino Superior de Garanhuns (AESGA)
lançou mais uma importante ação de proteção ao Meio Ambiente. Através do
Projeto AESGA Recicla, a Instituição lançou a urna de recolhimento de lixos
especiais como pilhas, baterias de celulares e cds/dvds.

O anúncio foi realizado pela presidenta da AESGA, Giane
Lira, pela coordenadora do curso de Engenharia Civil da Faculdade de Ciências
Exatas de Garanhuns (FACEG), professora Suianne Melo e a coordenadora de
Projetos Sociais da AESGA, Maria Eugênia Alcântara, que integram o Conselho
Municipal de Defesa do Meio Ambiente – CODEMA.

De acordo com a coordenadora do Projeto AESGA Recicla,
Maria Eugênia, objetos como pilhas e baterias são extremamente agressivos ao
meio ambiente e à saúde do homem, pois são compostos de produtos químicos de
alto nível tóxico. Depois de usados, se jogados no lixo comum, podem causar
danos. “Diante disso, a AESGA, o Projeto AESGA Recicla e a FACEG, lançaram
esses coletores dando assim a sua contribuição ao Planeta. Uma dica que é
preferir o uso de pilhas recarregáveis para diminuir a quantidade de material
excluído, ou até mesmo encaminhar para os fabricantes. Fique atento e sempre
separe uma cesta de lixo própria para esse material, pois as baterias são
frágeis e podem romper-se e contaminar o restante dos detritos”, destacou.

O PROJETO – Lançado
em novembro de 2008, o Projeto AESGA Recicla vem promovendo uma série de
parcerias, tanto na formatação de cursos e palestras quanto difusão do trabalho
realizado em virtude da transformação do reciclável em arte, além de estimular
a preservação do meio ambiente. (Imagem meramente ilustrativa)