BUSCA DE NOTÍCIAS 2021
BUSCA DE NOTÍCIAS DE 2013 A 2020
quinta-feira, 12 de novembro de 2020

Um acidente foi registrado na
tarde desta quarta-feira, dia 11, resultando na morte de dois trabalhadores em uma obra localizada na Avenida Santo Antônio, mais precisamente, em um terreno
localizado ao lado do Prédio da Prefeitura de Garanhuns.

De acordo com informações apuradas no local, haviam
quatro pessoas trabalhando nas obras de reforma de um Estacionamento, quando
uma parede acabou desmoronando e soterrando dois trabalhadores: Arnaldo
Possidônio de Moura, de 48 anos, residente no bairro Heliópolis e Janderson
Melo de Lima, de 16 anos, residente no Parque Fênix, que faleceram no local.  


“Despachamos de imediato as
viaturas disponíveis na base Garanhuns, com o apoio de duas viaturas de Bom
Conselho. Ao chegar ao local as equipes registraram que havia um muro, que
desmoronou, soterrando duas Vítimas, dois trabalhadores da obra, que era um
estacionamento em reforma. As Vítimas foram encontradas por volta das 17h30min,
mas até o momento (20h50min) permanecem ainda parcialmente soterradas, por
conta de um escoramento necessário para segurança dos Bombeiros. Os óbitos
foram confirmados pelo Médico do SAMU. Ainda não há previsão do encerramento
dos trabalhos e retirada dos corpos por conta da segurança da equipe de resgate”,
registrou o Major Heitor Martins, supervisor de Operações do Dinter, em
entrevista ao ABTV 2ª Edição, da TV Asa Branca/Afiliada Rede Globo.

No resgate estão envolvidos profissionais
do Corpo de Bombeiros, profissionais do SAMU e a Defesa Civil. Um caminhão guincho
da Prefeitura de Garanhuns foi usado para retirar os escombros, assim como ambulâncias,
viaturas e Guardas Municipais atuam na operação.
 


ÁREA DO ESTACIONAMENTO JÁ NÃO
PERTENCE A FERREIRA COSTA
– A área onde ocorreu o acidente já não mais pertencia a
empresa Ferreira Costa. A Empresa emitiu a seguinte Nota de Esclarecimento:

“Vimos por meio desta
esclarecer que o terreno localizado na Av. Santo Antônio, ao lado da Prefeitura
de Garanhuns onde aconteceu o acidente nesta tarde (12/11/20), foi vendido e
não tem mais nenhum vínculo jurídico, nem de propriedade com o Home Center
Ferreira Costa. Com isso, não podemos responder pela obra”. Até o momento não
foi registrado o nome do atual proprietário do imóvel. (Com informações e imagens de Diogo Franco/TV Asa Branca)